CHATBOT: o fenômeno da inteligência artificial

chatbot-1200x685.png

Chatbot é a palavra de ordem nos dias de hoje e diversas questões estão surgindo sobre ele: o que realmente é um chatbot? Como ele funciona? Como é construído? O chatbot é uma grande oportunidade para as empresas?

Chatbot é a área de automação que se integra ao software de bate-papo ao vivo. Ou seja, é uma ferramenta de conversação usada para automatizar comunicações.

O programa é feito de sistemas de inteligência artificial com os quais interagimos no formato de chat, por meio de texto ou interface de voz. Eles são assistentes pessoais e oferecem atendimento sobre todos os assuntos, independentemente de seu segmento. Acoplado a um aplicativo ou website, o chatbot funciona através de aprendizagem automática (machine learning) e possui uma rede neural artificial inspirada nas ligações neurais, como um cérebro humano.

Como funciona um chatbot?

Com efeito, à medida que o chatbot recebe novos diálogos verbais ou textuais, o número de perguntas que ele pode responder e a precisão de cada resposta aumenta. Basicamente, o chatbot é um software de Inteligência Artificial que pode similar uma conversa ou um bate-papo em linguagem natural por meio de aplicativos de mensagens, sites, chatbot, entre outros. É um programa de IA no qual pode simular uma conversa por meio de aplicativos de mensagens, sites e telefone.

O chatbot reconhece a palavra-chave da entrada do usuário e acessa o banco de dados para fornecer uma resposta predefinida. A partir dessa simples resposta, é criada uma “ilusão” de entender a entrada, mesmo que apenas uma palavra-chave tenha sido encontrada e a resposta de um padrão predefinido tenha sido enviada ao usuário. O chatbot basicamente se refere ao conjunto predefinido de bibliotecas e APIs (interface de programação de aplicações) anexadas a ele para verificar o conjunto de padrões com os quais ele pode responder. Cada chatbot é construído com base na correspondência de padrões, mas a inteligência do chatbot depende de quão humano e inteligentes são esses padrões predefinidos.

De forma geral, com uma interface de bate-papo (chatbot), a experiência é semelhante a uma conversa humana. Você notará que quanto mais você fala com um atendente virtual, mais inteligente ele fica, pois utiliza os padrões de machine learning para aprender, aperfeiçoado sua experiência a cada conversação.

O cérebro desenvolvido pela X2 Digital “NEEMA” também possui funcionalidades para um chatbot cognitivo. Ele pode ser aplicado como um chat (atendente virtual), realizando multitarefas com capacidade de interpretação e aprendizado, tomando decisões e resolvendo problemas complexos de forma prática e assertiva.

Quais são os padrões de chatbot?

Há dois diferentes modelos de chatbot. O primeiro é o bot padrão baseado em regras que completam ações com script baseado em palavras-chave. O segundo é o chatbot com tecnologia de inteligência artificial, que usa aprendizado de máquina (machine learning) para conversar com maior naturalidade.

Atualmente, os chatbots baseados em regras são uma ferramenta popular de comércio eletrônico para solicitações rotineiras de atendimento ao cliente. Isso é, porque eles são fáceis de construir e podem realizar tarefas básicas. Mas como a IA avançou significativamente e continua melhorando, veremos cada vez mais o aumento dos chatbots mais complexos.

Qual o grande benefício dos chatbots?

Um dos maiores benefícios dos chatbots é facilitar interações, especialmente quando elas são repetitivas, como é o caso das redes sociais. Neles, é possível parametrizar respostas automáticas para determinadas perguntas ou afirmações dos internautas, por exemplo.

Dezenas de empresas já estão usando chatbots tanto para interagir com seus clientes quanto para receber pagamentos, emitir boletos, enviar informações sobre determinado assunto, entre outros serviços. Receber pagamentos online é outra funcionalidade possível de ser executada por chatbot. Ele conhece o histórico dos usuários e pode facilitar na hora de oferecer condições de fechamento da compra, produtos complementares, entre outras funções que ajudam a melhorar a experiência e a potencializar as vendas.

Eles são realmente inteligentes?

Eles são inteligentes, mas não funcionam exatamente como um cérebro humano, com seus gostos, emoções e sensações. Por isso, é tão importante dizer que o chatbot, ou qualquer outro sistema de inteligência artificial não tem funcionalidade exata como o cérebro individual. Mesmo para aqueles que pensam de forma contrária, os computadores não vão substituir os seres humanos.

A nossa inteligência humana caracteriza-se por funções psicológicas e conjuntos de funções, graças ao nosso organismo que se adapta ao seu meio, produzindo combinações de condutas, adquire e explora conhecimentos novos e, eventualmente, raciocina e resolve os problemas de uma maneira conforme às regras destacadas pelas formalizações da lógica. Dessa maneira, é impossível para uma máquina criar sistemas com tais funções psicológicas e emocionais como de um ser humano. Ufa!



Contato


Tel.:

11 3565-6092


Endereço

Alameda Terracota, 185 – Conj. 1515
Cerâmica – SCS / SP


e-mail

contato@x2inteligencia.digital



Inscreva-se


Assine nossa newsletter e acompanhe as novidades da X2 Inteligência Digital e o mundo da inteligência artificial.





Copyright 2019 –  X2 Inteligência Digital. Todos os direitos reservados.




Copyright 2019 –  X2 Inteligência Digital. Todos os direitos reservados.